Sandra Bullet aproveita o confinamento para produzir o primeiro álbum de originais “SOMEWHERE IN THE CROWD”.

Hoje apresentamos a artista Sandra Bullet e o seu novo álbum de originais “SOMEWHERE IN THE CROWD” que pode ouvir a qualquer momento na playlist da Telefonia da Amadora.

Fechada em casa durante o confinamento, sem possibilidade de atuar ao vivo e com uma quebra de trabalho acentuada, a cantautora e multi-instrumentalista Sandra Bullet decidiu usar algumas gravações efetuadas pelos membros da sua primeira banda Ricardo e Eduardo e trazer as suas primeiras composições de novo à vida:
aproveitou esta paragem para gravar o que faltava ela própria (guitarra e voz), misturar e masterizar e finalmente lançar um álbum completo, com as 15 músicas que fizeram juntos, celebrando da melhor forma o 15º aniversário da banda e da sua carreira.

Trabalhando a tempo inteiro como música desde 2017 e deixando para trás uma carreira em Engenharia, ela lançou o seu primeiro EP “Longe” nesse mesmo ano, seguido de dois singles, “Time Stood Still” e “Holdin’ On”. Entretanto já realizou mais de 1000 trabalhos com artistas de mais de 70 países, escrevendo letras, compondo melodias, gravando
voz, produzindo ou misturando músicas. Além disso também atua em concertos online através do Twitch e YouTube.

BIOGRAFIA

Sandra juntou-se a uma banda de garagem como vocalista principal com 18 anos. Além de cantar e compor letras e melodias sem nunca ter tido qualquer formação musical, ela às vezes sentia alguma dificuldade em explicar como idealizava as suas composições. Dessa necessidade surgiu a aprendizagem de outros instrumentos, começando pela guitarra e depois guitarra baixo e bateria (instrumentos disponíveis na banda).

Nunca desistiu da música, e depois de concluir o Mestrado em Engenharia Mecânica e estar a trabalhar na área, começou a construir o seu próprio estúdio áudio em paralelo, de forma a gravar, misturar e masterizar as suas próprias músicas. Começou também a fazer trabalhos para outros artistas por todo o mundo através da internet, incluindo gravação de voz e outros instrumentos, composição de letras e melodias, produção, etc.

O grande passo foi dado em 2017, quando decidiu ser artista a tempo inteiro, deixando para trás definitivamente a Engenharia.

Apesar de adorar trabalhar com outros artistas, dar concertos online e de fazer os seus extravagantes “Bulletized covers” no YouTube (versões muito próprias de músicas bem conhecidas do público), o seu objetivo principal é trabalhar mais nas suas próprias músicas e partilhar a sua mensagem com o mundo; a mensagem de que é
possível realizar os nossos sonhos.

Podemos acompanhar o trabalho da Sandra Bullet no seu Website: https://www.sandrabullet.com ou no Facebook: https://www.facebook.com/sandrabulletofficial

Foto: https://www.facebook.com/SandraBulletOfficial