25 março | Lançamento do V Volume da série monográfica Lisboa Romana

No próximo dia 25 de março (quinta-feira), a partir das 17h30, terá lugar o lançamento do V Volume da série monográfica Lisboa Romana – ‘O Ager Olisiponensis e as estruturas de povoamento’, da coleção “Lisboa Romana” Felicitas Iulia Olisipo, que decorrerá no Salão Nobre dos Recreios da Amadora, com transmissão em live streaming, nas redes sociais do município da Amadora.

Estarão presentes nesta sessão de lançamento:
 
– Em representação da Câmara Municipal da Amadora – Sr. Vereador da Cultura, Eng.º Agostinho Marques;
– Em representação da Câmara Municipal de Lisboa – Diretor Municipal da Cultura, Dr. Manuel Veiga;
– Em representação do projeto Lisboa Romana – António Marques (CAL – Centro de Arqueologia de Lisboa);
– Em representação do Editor – Jorge Ferreira (Caleidoscópio);
– Coordenadores científicos do volume V – Cristina Nozes e Guilherme Cardoso.
 
 

Esta iniciativa está integrada no projeto Lisboa Romana, promovido pela Câmara Municipal de Lisboa, que conta com a colaboração dos 18 municípios que integram a Área Metropolitana de Lisboa e no qual a Câmara Municipal da Amadora participa, desde 2018, dando a conhecer os vários sítios romanos da Amadora, onde se destacam o aqueduto romano, a villa Romana da Quinta da Bolacha e o sítio do Moinho do Castelinho.

Este projeto, onde estão envolvidos atualmente 41 parceiros de âmbito público e privado, mostra ao grande público a riqueza patrimonial da época romana existente não só em Lisboa mas em toda a área Metropolitana.

Felicitas Iulia Olisipo era uma cidade capital de um município de cidadãos romanos, que ultrapassava as fronteiras do atual Concelho de Lisboa. O território da Amadora fez parte desse município romano, integrando o seu ager, ou seja, os subúrbios da cidade. Aqui existiram propriedades rurais, encabeçadas por casas senhoriais, onde eram explorados recursos agrícolas e pecuários, depois distribuídos por toda a região. A villa romana da Quinta da Bolacha é disso exemplo. Por aqui também passou o aqueduto romano de Olisipo, que partia da barragem de Belas.

Através do site do projeto, www.lisboaromana.pt é possível agregar em um todo coerente, e divulgar de forma integrada e acessível ao público, o conhecimento científico resultante das múltiplas campanhas de escavações arqueológicas realizadas na cidade de Lisboa e nos demais concelhos da Área Metropolitana, assim como a investigação desenvolvida nas Universidades e Centros de Investigação. Reunindo informação sobre mais de 400 sítios e/ou vestígios arqueológicos distribuídos por Lisboa e os 18 municípios parceiros, permite ao utilizador explorar estas realidades no mapa do território (com apoio de texto, imagens, reconstituições e visitas virtuais), in loco ou nos museus onde se encontram expostas, numa perspetiva de promoção turística do património cultural.

Para assistir ao lançamento do V Volume da série monográfica Lisboa Romana – ‘O Ager Olisiponensis e as estruturas de povoamento’, da coleção “Lisboa Romana” Felicitas Iulia Olisipo, basta aceder ao canal do Youtube do Município da Amadora ou Facebook Amadora Cidade, no dia 25 de março, a partir das 17h30.

capa v volume lisboa romana 200

 

Veja aqui o artigo original