COVID-19 | Amadora conta com duas Unidades de Acolhimento

O Município da Amadora já tem preparadas duas Unidades de Acolhimento para alojar situações de emergência social, prontas a serem ativadas pela Proteção Civil, em caso de necessidade.

Localizados nos pavilhões das escolas Cardoso Lopes e Miguel Torga, estes espaços de retaguarda para acolhimento temporário de pessoas em isolamento profilático e/ou em situação de infeção confirmada de COVID-19, e sem condições de estarem em casa, foram criados para garantir apoio à autoridade de saúde e segurança social

A coordenação geral dos equipamentos é da responsabilidade do Município, em articulação com a autoridade de saúde, os dirigentes das estruturas residenciais, entre outros. A coordenação técnica está a cargo da autoridade de saúde local, conforme Despacho n.º 4097-B/2020, de 2 de abril.

A autarquia assegurou a aquisição de todo o mobiliário, do fornecimento das refeições, da higienização e a segurança destas unidades, assim como dos recursos humanos de apoio ao funcionamento.

Mais informações sobre as medidas adotadas pela Câmara Municipal da Amadora:
www.cm-amadora.pt/covid-19
www.facebook.com/municipiodaamadora 

 

Veja aqui o artigo original